Últimas Notícias

Canindé em situação de risco para dengue, zika e chikungunya


Ceará tem 40 municípios em situação de alerta ou risco para dengue, zika e chikungunya.

No Ceará, 37 cidades estão em alerta e três (Canindé, Chorozinho e Viçosa do Ceará) em risco de surto de dengue, zika e chikungunya, de acordo com o Levantamento Rápido de Índices de Infestação pelo Aedes aegypti (LIRAa) de 2018, do Ministério da Saúde. Outras 141 cidades estão em situação satisfatória, incluindo Fortaleza. 
 
Como indica o relatório, encontram-se em situação de alerta os municípios de Acarape, Acopiara, Alto Santo, Aracoiaba, Araripe, Assaré, Baturité, Boa Viagem, Campos Sales, Cariré, Caririaçu, Caucaia, Coreaú, Farias Brito, Horizonte, Ibicuitinga, Ipu, Itaitinga, Itapajé, Itapipoca, Itatira, Jaguaretama, Maranguape, Milhã, Mucambo, Nova Olinda, Pacatuba, Palmácia, Parambu, Quixadá, Quixeramobim, São Luís do Curu, Senador Pompeu, Senador Sá, Tejuçuoca, Umari e Uruburetama.
 
Como uma das alternativas contornar a situação, o Governo Federal entregou nesta quarta-feira, 12, a cada região do País caminhonetes em que se acoplam fumacês. Foram investidos cerca de R$ 109 milhões na aquisição dos veículos. Na ocasião, o ministro da Saúde, Gilberto Occhi, lançou o Sistema Integrado de Controle de Vetores (SIVector), que substituirá o Sistema do Programa Nacional de Controle da Dengue (SISPNCD) com informações georreferenciadas para o controle do Aedes aegypti e do Aedes albopictus.
 
 
Brasil por tipos, taxas de incidência e número de óbitos
  
Dengue

Até 10 de novembro, foram notificados 228.042 casos de dengue em todo o País, um pequeno aumento em relação ao mesmo período de 2017 (226.675). A taxa de incidência, referente à proporção de casos a cada 100 mil habitantes, é de 109,4. O número de óbitos registrou queda de 21% em comparação com o mesmo período do ano anterior, passando de 173 mortes para 136.
 
 
Chikungunya

Até 10 de novembro, os casos de chikungunya caíram 55% em relação ao mesmo período de 2017 (183.281). Em 2018, foram registrados 82.382 casos em todo o País. A taxa de incidência é de 39,5. Em comparação ao número de óbitos, a queda é de 81% em relação ao mesmo período do ano anterior, passando de 189 em 2017 para 35 neste ano.
 
 
Zika

Foram registrados 7.544 casos de zika em todo o País, até 10 de novembro, o que representa uma redução de 54% em relação ao mesmo período de 2017 (16.616). A taxa de incidência é de 3,6 casos/100 mil habitantes. Neste ano, duas pessoas morreram por zika.
 
Redação O POVO Online

Nenhum comentário

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias