Canindé

[Canindé][bleft]

Regional

[Regional][twocolumns]

COMEÇA A DISTRIBUIÇÃO DO PROGRAMA HORA DE PLANTAR.


No ano passado foram distribuídas 3.217 toneladas de sementes. Em 2018, serão 2.630. Canindé receberá as sementes em fevereiro.

Segundo a Assessoria do Governo do Ceará, na próxima semana, a distribuição deve ser intensificada na região do Cariri; no fim do mês, serão atendidas as regiões Centro Sul e Inhamuns/Crateús; e no início de fevereiro, na Ibiapaba, Sertões Central, Canindé e Baixo Jaguaribe.

O Programa Hora de Plantar 2018 para os agricultores familiares, neste ano, serão atendidos 150 mil produtores rurais. As sementes de grãos e raquetes de palmas forrageiras já estão nos armazéns regionais do Interior, aguardando só o transporte para os escritórios locais da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Ceará EMATERCE.

Em 2017, foram entregues 3.217 toneladas de sementes, e, em 2018, serão 2.630 toneladas, embora atendendo o mesmo número de agricultores. A distribuição começou na região do Cariri, na segunda-feira, pelo Município de Milagres, e em seguida as cidades de Barro e Aurora.

Na próxima semana, a distribuição deve ser intensificada na região do Cariri; no fim deste mês, no Centro Sul e Inhamuns/Crateús; e no início de fevereiro, na Ibiapaba, Sertões Central, Canindé e Baixo Jaguaribe, concluindo as entregas pelo território do Maciço de Baturité, Metropolitana e Norte (Vale do Curu/Aracatiaçu e Sobral).


"O projeto está em sendo finalizado em todo o Estado", explicou o técnico do Projeto Hora de Plantar, Carlos Alberto Moreira. Neste ano, deverão ser distribuídas 2.130 toneladas de milho; 300 toneladas de feijão caupi; 200 toneladas de sorgo forrageiro; 6,5 milhões de raquetes de palma forrageira; 400 mil mudas de cajueiro anão precoce; 170 mil mudas de essências florestais nativas, exóticas e frutíferas, além de 5 mil m³ maniva de mandioca.

Os agricultores terão direito a feijão, milho, sorgo, mamona, algodão, raquetes de palma, mudas nativas de aroeira, angico, cana fistula, ipê, pau branco e sabiá, além de plantas exóticas, como acácia, cedro e mogno. As frutíferas serão acerola, caju, cajá umbu, cajá, goiaba e manga

A exemplo dos anos anteriores, o programa começou no Cariri que é a primeira a ser beneficiada com as chuvas de pré-estação. Em relação ao ano passado, o lançamento está atrasado. A solenidade de lançamento do Projeto para safra 2016/2017, ocorreu na cidade do Crato, no dia 28 de dezembro de 2016.

Esta será a 31ª edição do Projeto, criado em 1987, pelo então secretário de Agricultura do Estado, Eudoro Santana, pai do governador Camilo Santana. Na época, denominava-se Arrancada da Produção, proporcionando, desde então, sementes de qualidade, buscando a ampliação da produtividade das principais culturas, em especial o milho e feijão.


FONTE: GOVERNO DO ESTADO

FOTOS DE ANTÔNIO CARLOS ALVES

Post A Comment
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

Nenhum comentário :

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias


Prefeitura

[Prefeitura][grids]

Ceará

[Ceará][list]

Nacional

[Nacional][bsummary]

Plantão Policial

[plantão policial][threecolumns]