Canindé

[Canindé][bleft]

Regional

[Regional][twocolumns]

SECRETARIA DE SAÚDE DE CANINDÉ PROMOVE SEMANA DE COMBATE A HANSENÍASE.


DOMINGO DIA 29 DE JANEIRO É O DIA MUNDIAL DE COMBATE À DOENÇA.

A Prefeita de Canindé Rozário Ximenes e a Secretária de Saúde Nilvane Magalhães Teófilo, abriram oficialmente na manhã da última quarta-feira dia 25 de janeiro, na Praça Thomaz Barbosa, a semana de combate à hanseníase. Foram feitas captação para descobertas de novos diagnósticos. Para isso, um médico atendeu pacientes na sede da Secretaria de Turismo para avaliações de casos suspeitas. ‘’O tratamento será feito nas 11 Unidades Básicas da Saúde – UB´S e 08 na área rural’’, explica a Secretária.

Participaram equipes do Núcleo de Apoio a Saúde da Família, Grupo de Educação Física, Assistentes Social, Enfermeiros (as), Núcleo de Endemias, Agentes Comunitários, Coordenação de Epidemiologia e Atenção Básica. 


De acordo com a Secretária Nilvane Magalhães, a doença, popularmente conhecida como lepra, é infectocontagiosa, de evolução crônica e longa, causada pelo Mycobacterium leprae ou bacilo de Hansen, um micro-organismo que afeta, na maioria das vezes, a pele e os nervos das extremidades do corpo. É uma das doenças mais antigas já registradas na literatura, com casos na China, Egito e Índia’’. 

Secretaria de Saúde de Canindé, disse que a doença pode atingir uma pessoa saudável, e pode levar a sérias incapacidades físicas. ‘’É uma doença curável e o tratamento é feito por via oral com a associação de dois ou três medicamentos, denominado poliquimioterapia’’. O tratamento é oferecido gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde - SUS, e é mais efetivo quando a doença é diagnosticada precocemente.

Os profissionais das equipes de saúde da família já realizam buscativa de novos casos de hanseníase e têm realizado grupos de discussões com os pacientes em tratamento e já tratados. 

“A hanseníase tem um passado triste, de discriminação e isolamento dos doentes, que hoje já não existe, e nem é necessário, pois ela pode ser tratada e curada”, afirmou Dra. Nilvane. 


A hanseníase é uma doença infectocontagiosa, que tem cura, e o tratamento é gratuito. Os principais sintomas são manchas esbranquiçadas, avermelhadas ou amarronzadas em qualquer parte do corpo e áreas da pele, que não coçam, mas tem formigamento e dormência, com diminuição ou ausência de sensibilidade ao calor, frio, dor e ao toque. 


A hanseníase é uma doença crônica, infectocontagiosa, cujo principal agente etiológico é o Mycobacterium leprae (M. Leprae). Esse bacilo tem a capacidade de infectar grande número de indivíduos, no en­tanto poucos adoecem. A doença atinge pele e nervos periféricos podendo levar a sérias incapacidades físicas. A hanseníase é uma doença de notificação compulsória em todo o território nacional e de investigação obrigatória.

Em sua palavra, a prefeita de Canindé Rozário Ximenes disse que a saúde do Município é para todos. ‘’Vamos fortalecer a saúde pública da região. Para isso, estamos conseguindo junto ao Governo do Estado, através de uma emenda parlamentar do Deputado Estadual João Jaime, cinco ambulâncias equipadas no valor de R$ 350 mil reais’’, comemora a gestora.

Fotos e texto de Antônio Carlos Alves
Post A Comment
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

Nenhum comentário :

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias


Prefeitura

[Prefeitura][grids]

Ceará

[Ceará][list]

Nacional

[Nacional][bsummary]

Plantão Policial

[plantão policial][threecolumns]