Canindé

[Canindé][bleft]

Regional

[Regional][twocolumns]

PROGRAMA LUZ PARA TODOS É PRORROGADO ATÉ 2018


Programa busca acabar com a exclusão elétrica no País e tem como novo objetivo levar energia a 228 mil famílias do meio rural

A medida tem o objetivo de levar energia elétrica a 228 mil famílias do meio rural. A iniciativa foi feita por meio do Decreto Nº 8.387, de 30 de dezembro de 2014. O ato foi mantido pelo atual Presidente da República Michel Temer.

O Luz para Todos atendeu até novembro de 2016, 3.184.946 famílias, beneficiando cerca de 15,3 milhões de pessoas. Os investimentos contratados superam R$ 22,7 bilhões, com recursos de R$ 16,8 bilhões do Governo Federal.

Criado em novembro de 2003, o Programa visa acabar com a exclusão elétrica no País e prover acesso à eletricidade, gratuitamente. Durante a execução, foram localizadas outras famílias que não recebiam o serviço e o Luz para Todos foi prorrogado, por meio do Decreto nº 7.520/2011, para o período de 2011 a 2014.

A iniciativa é coordenada pelo Ministério de Minas e Energia, operacionalizado pela Eletrobrás e executado pelas concessionárias de energia elétrica e cooperativas de eletrificação rural em parceria com os governos estaduais.

A ampliação até o fim de 2018 o programa Luz Para Todos, que promove à universalização do acesso a energia elétrica no país. Conforme Decreto anterior, de 2011, o programa se encerraria no fim do mesmo ano. Segundo o Ministério de Minas e Energia (MME), depois de já iluminadas 15,3 milhões de pessoas, ainda faltariam 228 mil famílias sem energia elétrica no país - ou mais de 1 milhão de pessoas

De acordo com avaliação do governo, restaram aquelas famílias mais isoladas, como comunidades no meio da selva amazônica ou em regiões de transmissão mais difícil. Para se ter uma idéia, nos Sertões de Canindé, ainda existe famílias que vivem sob a luz de lamparina. Na comunidade de Serrote Preto, no Município de Canindé, na divisa com Choró o preto que leva o nome do lugarejo, só é clareado com luz movida a querosene, pavio e lamparina. As 23 famílias esperam pela energia elétrica há mais de 10 anos.

Foto e texto de Antônio Carlos Alves
Post A Comment
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

Nenhum comentário :

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias


Prefeitura

[Prefeitura][grids]

Ceará

[Ceará][list]

Nacional

[Nacional][bsummary]

Plantão Policial

[plantão policial][threecolumns]