Canindé

[Canindé][bleft]

Regional

[Regional][twocolumns]

OPERAÇÃO CARNAÚBA: POLICIA DEFLAGRA OPERAÇÃO NO MUNICÍPIO DE CANINDÉ E PRENDE DUAS PESSOAS.


Com o objetivo de combater crimes nas licitações, fraudes em documentação na cidade de Russas na Região do Vale do Jaguaribe, o Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (GAECO), o Ministério Público do Ceará e a Polícia Civil deflagraram na manhã de hoje sexta-feira dia 09 de agosto uma operação denominada “Operação Carnaúba”.

No Município de Canindé, foram cumpridos três mandados de busca e apreensão, além de dois com prisão temporária de duas mulheres que não tiveram seus nomes revelados.

Em Fortaleza, a Polícia efetuou uma nova prisão com um mandado de prisão temporária. ‘’Não vamos revelar nomes porque estamos investigando os casos e isso poderá atrapalhar o trabalho policial’’, disse o Delegado Pedro Viana que participou da operação.

No Município de Russas 12 pessoas já haviam sido detidas na operação que teve inicio as cinco horas da manhã de hoje.

Também foram levados celulares, documentos, e outros objetos escriturários que comprometem os acusados.

Segundo os responsáveis pelas investigações, o nome da operação se dar por conta de licitação feita para compra de mudas para plantio de carnaúbas, em Russas. Relatório do Ministério Público acusa que os valores teriam causado superfaturamento de mais 400%.

‘’Todas as empresas são do ramo de construção. Estamos com o trabalho bem avançado’’, relatou o Delegado.

“Já tomamos as medidas como a quebra de sigilo bancários das pessoas investigadas e já conseguimos detectar o uso de contas de terceiros (laranjas), o que caracteriza lavagem de dinheiro.”, disse o promotor Luiz Dionísio que coordena a operação. 

Fizeram parte da operação, além do promotor Luiz Dionísio de Melo Júnior, titular da Primeira Promotoria de Justiça da Comarca de Russas, e do Delegado Pedro Viana, o promotor Manoel Epaminondas, a gente da GAECO e delegado Luciano Lacerda delegado de Canindé.

De acordo com o Ministério Público, os acusados irão responder pela prática de crimes com organização criminosa, fraudes em licitações e lavagem de dinheiro. Os presos foram conduzidos para uma delegacia em Fortaleza.

Mais de 20 policiais civis das Delegacias Regionais de Canindé, Baturité e Fortaleza, e do Departamento Técnico Operacional (DTO), divididos em seis viaturas participaram da operação. 


Fotos e texto de Antônio Carlos Alves
Post A Comment
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

Nenhum comentário :

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias


Prefeitura

[Prefeitura][grids]

Ceará

[Ceará][list]

Nacional

[Nacional][bsummary]

Plantão Policial

[plantão policial][threecolumns]