Últimas Notícias

CANINDÉ SERÁ SEDE DE ENCONTRO ESTRATÉGICO DO PETI.


A Secretaria da Assistência Social de Canindé realiza nesta sexta-feira, 22 de julho, no auditório do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Canindé I Encontro Municipal de Monitoramento das Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil – PETI.

O evento é uma parceria com a Secretaria Estadual do Trabalho e Desenvolvimento Social – STDS, e com a Promotoria Estadual do Trabalho.

Deverão participar do encontro Secretários de Assistência Social (Tatiana Silva), Educação (Mailza Freitas), Saúde (Salete Crisóstomo), Esporte e Cultura (Carlos Silva), Agricultura e Recursos Hídricos (Domingos Sávio), Juizado da Infância da Adolescência, Ministério Público do Estado, Defensoria Pública, Conselho Tutelar, Conselho Municipal de Assistência Social e Conselho Municipal de Defesa da Criança e do Adolescente.

‘’Iremos discutir nesse encontro estratégias de ações voltadas para o combate ao Trabalho Infantil. Nossa grande meta é evitar que as crianças sejam usadas em trabalhos escravos’’, observa a Secretária.


Segundo ela, o número crianças e jovens – entre 5 e 17 anos – em situação de trabalho infantil no país caiu mais de 43% em dez anos. Em 2004, o número ultrapassava cinco milhões. Já em 2014, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, o problema atingia 2,8 milhões de crianças e jovens.

"O Brasil hoje é uma referência mundial de combate ao trabalho infantil, mostrando que é possível [programar] ações que levem à redução do trabalho infantil. Quem está trabalhando hoje é o menino acima de 14 anos, nas cidades, que vai à escola, e trabalhando muitas vezes até com a própria família”, disse ela.

Para Tatiana, o desafio agora é regularizar o trabalho desses jovens. Ela lembrou que até os 13 anos de idade o trabalho é proibido pela Constituição Federal. No entanto, entre 14 e 15 anos, a participação em programas de aprendizagem profissional é admitida, desde que o jovem continue na escola. Já a partir dos 16 anos, o trabalho é permitido com carteira assinada e desde que não seja no período noturno, em função perigosa ou em local insalubre.

Texto e fotos de Antônio Carlos Alves

Nenhum comentário

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias