Últimas Notícias

TURISMO RELIGIOSO MOVIMENTA MILHÕES DE REAIS NO BRASIL.


A fé do brasileiro movimenta bilhões todos os anos. Somente com o turismo religioso, são movimentados anualmente cerca de R$ 15 bilhões no Brasil. As viagens motivadas pela fé mobilizaram 17,7 milhões de pessoas só em 2014. A religião é o motivo de 3,6% de todas as viagens feitas no Brasil. Os números foram divulgados pelo Ministério do Turismo. Ainda de acordo com a pasta, mais de 340 cidades são destino obrigatório no calendário anual dos eventos que envolvem a fé.

Algumas dessas cidades estão localizadas no Ceará. Entre as cidades cearenses que têm turismo religioso forte aparecem Canindé, Juazeiro do Norte, Quixeramobim, Itatira – Lagoa do Mato, Paramoti, Caridade entre outras, que, mesmo não tendo turismo religioso constante, dispõem de eventos sazonais que atraem muitos fiéis no período de festejos religiosos que têm, em média, 10 dias de duração. A exceção é Canindé de São Francisco e Juazeiro do Norte de Padre Cícero, localizadas no e Sertão Central e no Cariri.

De olho no que os peregrinos e visitantes podem gastar nessas cidades, o número de pousadas, restaurantes e comércio de produtos religiosos tem se multiplicado nas cidades dinamizado a economia local.


Festejos religiosos geram emprego e renda

Quando se fala em turismo religioso, é importante perceber o quanto esse setor contribui economicamente para as cidades. Os fiéis que visitam utilizam o transporte, a hotelaria, os restaurantes e fazem compras no comércio local.

As pessoas vão até a cidade movida pela fé e com o principal objetivo de conseguir bênçãos, ao seguir o cortejo que acompanha a imagem do (a) padroeiro (a). Por consequência do evento, a cidade registra aumento no nível de empregos, além de lucro nos hotéis, pousadas e restaurantes que recebem turistas.

Mais que a movimentação nos setores comuns, a economia se beneficia dos festejos de maneira geral, como os shows que acontecem com artistas religiosos, que atraem cada vez mais pessoas à cidade. Mesmo assim, nem o Poder Público em parceria com a Igreja e os empresários de algumas cidades atentaram para o quanto importante é a exploração do turismo religioso.

Tem que se levar em conta que não só de católicos vive o turismo religioso. Segundo o censo de 2013 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), os evangélicos já são aproximadamente 22% da população que se declara religiosa no Brasil.

O número de eventos realizados pelos evangélicos também tem crescido e atraído um percentual cada vez maior de participantes, no entanto são poucos os grupos que exploram o turismo religioso no meio evangélico.


Fotos e texto de Antônio Carlos Alves
Amanhã – Maior estátua de arte sacra do mundo está no Rio Grande do Norte

Nenhum comentário

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias