04 fevereiro 2016

DIA DO ROMEIRO EM CANINDÉ É MARCADO POR INOVAÇÕES


No ano santo da misericórdia, a 11ª edição do Dia do Romeiro em Canindé é marcada por inovações na nova administração da Paróquia de São Francisco das Chagas.

A data também foi dedicada a São Braz, o protetor da garganta. Na santa missa, celebrada pelo pároco e reitor do santuário frei Marconi Lins, com a participação do padre Carlos Wagner da Arquidiocese de Teresina no Piauí, na Gruta de Nossa Senhora de Lurdes, romeiros do Piauí, Rio Grande do Norte e Paraíba se uniram no último adeus às romarias a São Francisco, que retornam com a força espiritual a partir de dois de agosto, quando a igreja católica comemora os 800 anos do Perdão de Assis.

Frei Marconi ressaltou a importância do romeiro para o santuário. ‘’O santuário não vive sem o romeiro nem o romeiro sem o santuário. No passado os romeiros sofriam muito mais que hoje. O nome romeiro vem de Roma, onde os peregrinos iam visitar os túmulos de Pedro e Paulo, pelas graças alcançadas, da mesma forma que chegam a Canindé’’, lembra o frei.

‘’Esperamos que os devotos de São Francisco, que deixou a Itália e veio morar no Ceará, possam partir com os corações aliviados. São Francisco era um homem de fé, um católico cheio de paz. São Francisco não está morto, é o Santo vivo dos romeiros’’, frisa frei Marconi Lins.


‘’O romeiro chega à terra dos milagres trazendo na bagagem três compromissos. Primeiro agradecer a São Francisco suas graças. Depois rezar e ofertar ao santo suas preces e depois confessar e pedir forças e saúde para que, se vivo estiver, no próximo estar de volta para reverenciá-lo’’, observa.


Na visão dele não podemos ser prepotente, “porque Deus que é o nosso caminho, não quis isso. A prepotência é o grande pecado”. Após a santa missa, realizou-se uma procissão com a imagem de São Francisquinho até o centro da Basílica, onde a relíquia passou pela porta santa que foi aberta no dia 13 de dezembro de 2015 pelo Arcebispo de Fortaleza, Dom José Antônio Tosi no dia 13 de dezembro de 2015. Em seguida, a solenidade encerrou-se com a benção dos romeiros.

Essa foi a primeira vez em 11 anos que a imagem do santo mais popular do mundo deixou sua morada para participar de cortejo religioso no entorno da Basílica que completa 100 anos do novo santuário.

O Prefeito de Canindé e a primeira-dama Esperanza Hernández participaram da cerimônia religiosa e receberam cumprimentos de romeiros e fiéis da própria cidade. Ele é o autor do projeto de lei que cria o Dia municipal do Romeiro no Município.

‘’Hoje é um dia muito especial para os romeiros do Nordeste inteiro. Viva São Francisco, Viva Canindé, Viva os romeiros’’, lembrou o prefeito no seu pronunciamento rápido.

Para ele, quem visita Canindé como romeiro ou como turista religioso, procurando no sobrenatural uma esperança e uma razão para sua vida, certamente encontra no homem do milênio pistas para uma nova vivência, a fraternidade que nasce no meio dos pobres.


Após a benção, a Fundação de Esporte e Cultura (FUNTEC) presenteou os romeiros com shows culturais com as participações dos grupos ‘’Sambamigos’’, “Luz Coral”, formado por 12 jovens sobre a regência do Maestro Jander Silva, e os Januários.


ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA PREFEITURA DE CANINDÉ
FOTOS DE JOÃO PAULLOS

0 comentários:

Postar um comentário

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias

Copyright © C4 - Notícias de Canindé | Designed With By Blogger Templates
Scroll To Top