Canindé

[Canindé][bleft]

Regional

[Regional][twocolumns]

Previsão orçamentária do Estado é de R$ 24,3 bilhões para 2016

FOTO: JUNIOR PIO
LOA entregue na quinta-feira (15) ao presidente da Assembleia, deputado Zezinho Albuquerque, prevê incremento na arrecadação do ICMS, investimentos na ordem de R$ 5 bilhões e eficiência nos gastos públicos.

A proposta de Lei Orçamentária Anual (LOA) 2016 foi entregue, na tarde do dia 15 de outubro, ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Zezinho Albuquerque (Pros). O secretário do Planejamento e Gestão do Ceará (Seplag), Hugo Figueiredo, levou pessoalmente o documento.


A previsão orçamentária é de R$ 24,3 bilhões para o próximo ano, o que representa um aumento de 3% em relação ao orçamento de 2015.

 “Na sexta-feira, a mensagem foi lida na sessão plenária e os deputados já tomaram conhecimento e assim começar os debates sobre o orçamento para o próximo ano", informou o presidente Zezinho Albuquerque.



A Assembleia Legislativa tem até 22 de dezembro para aprovar tanto a LOA como o Plano Plurianual (PPA) - entregue na Casa no fim de setembro. Na avaliação do presidente, esse prazo é importante para que os deputados possam fazer uma avaliação e assim debater e sugerir emendas ao projeto.







 ICMS 6% maior

 De acordo com o secretário Hugo Figueiredo, cerca de R$ 5 bilhões serão destinados a investimentos em 2016. Em relação às receitas, Hugo Figueiredo informa que a arrecadação de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) tem uma estimativa de incremento de 6% em comparação com o ano de 2015. Assim, as receitas correntes devem alcançar R$ 22 bilhões em 2016.

Ainda conforme a LOA, o gasto com pessoal será de R$ 8,9 bilhões em 2016. "Isso representa um incremento em relação ao orçamento de 2015 da ordem de 9,3%, que é equivalente à inflação prevista para este ano", explica o secretário.


Eficiência nas despesas 

Segundo o titular da Seplag, o projeto de lei disponibiliza um programa de Gestão Democrática por Resultados que prevê consultorias para reavaliar procedimentos, formas de trabalho e indicadores de desempenho das secretarias com o objetivo de dar mais eficiência aos gastos públicos.

Conforme o secretário, entre janeiro e agosto deste ano, por exemplo, R$ 31 milhões deixaram de ser gastos após revisões nas nomeações de cargos comissionados nas secretarias. "Há outras iniciativas como um série de ajustes na parte de locação de veículos, revisão nos contratos de aluguéis, e iniciativas que estão sempre buscando maior eficiência da máquina do governo", pontuou Hugo.


Fotos: Edson Júnior Pio

Mais informações: www.al.ce.gov.br
Assessoria de Imprensa - Assembleia Legislativa do Ceará
Ilo Santiago Jr. - 99611.8950
Salomão de Castro - 99611-8953

Post A Comment
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

Nenhum comentário :

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias


Prefeitura

[Prefeitura][grids]

Ceará

[Ceará][list]

Nacional

[Nacional][bsummary]

Plantão Policial

[plantão policial][threecolumns]