Canindé

[Canindé][bleft]

Regional

[Regional][twocolumns]

CASA DO POVO IMPLANTA AULA DE VIOLINO EM CANINDÉ.

AULAS DE VIOLINO NA CASA DO POVO EM CANINDÉ
JOVENS PASSAM POR FORMAÇÃO PARA O MERCADO DE TRABALHO.



Fundado pelo saudoso FREI HUMBERTO WASLLASCH, em 1997 com nome de Mutirão Social, e hoje com a simbologia de Projeto ‘’VIVA A VIDA’’ em homenagem ao seu fundador, A CASA DO POVO um projeto social da Paróquia de São Francisco das Chagas de Canindé, que tem como objetivo desenvolver ações sociais e a formação de crianças e adolescentes para o mercado do trabalho se tornou a maior referência social do Sertão Central.

A manutenção do projeto que conta com 80 alunos é feita pela Paróquia e as contribuições de empresários e homens e mulheres que o apadrinharam. Funciona na Travessa professora Mercês Santos, nº 796, no centro comercial da cidade.

‘’A principal finalidade do projeto é atender crianças, adolescentes e suas famílias em situação de vulnerabilidade social, com atividades desenvolvidas durante o ano. Cada curso respeita uma metodologia e duração de acordo com a característica técnica. São desenvolvidas oficinas que tratam de temas transversais objetivando a promoção humana e social, resgate da autoestima e da dignidade desse segmento completo’’, explica o coordenador Fábio Soares.

Projeto resgata cidadania em Canindé
Cursos de teclado, violão, bateria, flauta doce, violino, inglês, bordado a mão, redes, informática para mulheres, corte e costura, manicure, oficina de iniciação a arte de pintura e desenho, pintura em tecido, escolinha de futsal, oficina de leitura, artesanato, noções básicas de informática, curso de bonecas de pano, bisqui, prendas domesticas e oficinas de artes com material reciclável.

‘’Além desses benefícios, realizamos temas transversais como palestras sobre educação (nutricionista), momentos reflexivos com os pais, tratando da ação comportamental (psicóloga), atividades de artes (artistas plásticos, músicos e assistente social), noções básicas sobre a língua estrangeira (inglês), temas sociais com a participação de assistentes sociais do Núcleo de Apoio Social a Família – NASF, programa de prevenção às drogas – PROERD, com policiais do Ronda do Quarteirão da Polícia Militar, complementação escolar com o apoio do Colégio Menino Jesus e educação religiosa através da congregação das irmãs Missionárias da Imaculada Conceição’’, enumera Fábio Soares.

‘’A missão desse projeto é a ação preventiva, educativa e disciplinar, junto às famílias, á criança e ao adolescente, visando à melhoria de suas vidas e ampliando seu espaço de cidadania na sociedade’’, ressalta o coordenador.

Em entrevista a Reportagem do C4 NOTÍCIAS Fábio Soares fez questão de falar que o grande objetivo é desenvolver atividades educativas que viabilizam a transformação de situações de exclusão, buscando alternativas para que este público se sinta mais valorizado e mais humano.

Casa do povo de Canindé atende 
crianças de vários bairros da cidade
‘’Oferecer formação e lazer para crianças, adolescentes e jovens, motivar jovens e adultos para prática da cidadania, descobri os talentos através da música, arte, dança, e do esporte, trabalhar o autoestima das classes menos favorecidas da sociedade, como catadores de produtos recicláveis, pedintes e domesticas, além de oportunizar a geração de renda a partir da metodologia da economia solidária’’, diz.

‘’Com o aumento populacional do Município de Canindé, crianças e adolescentes ficam cada vez mais vulnerável às ações negativas da marginalidade. As politicas públicas de inclusão social ainda deixam muito a desejar, sobretudo na área de projetos de segundo tempo. Os pais não possuem condições culturais, morais, psicológicas e financeiras de construir uma família digna com seus direitos e deveres. Com base nessa realidade o projeto quer contribuir com a formação através de cursos básicos, seminários, oficinas, palestras educativas, preventivas e de autoestima como motivação para a vida’’, observa Fábio Soares.

‘’Diagnosticando toda essa realidade de exclusão social, o projeto quer ser um instrumento complementar, a partir de ações libertadoras, amenizando o sofrimento da desigualdade social’’, finalizou.


FOTOS E TEXTO: ANTONIO CARLOS ALVES
Post A Comment
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

Nenhum comentário :

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias


Prefeitura

[Prefeitura][grids]

Ceará

[Ceará][list]

Nacional

[Nacional][bsummary]

Plantão Policial

[plantão policial][threecolumns]