Últimas Notícias

Governador Cid Gomes proíbe verba para o carnaval


A Casa Civil e a Secretaria de Turismo receberam o aviso: o Estado não vai liberar verba para festas de carnaval. Motivo: evitar que mais pessoas viagem para locais onde existe problema de abastecimento de água. Cerca de 60 prefeituras solicitaram apoio do Estado para contratação de bandas. Receberam não. Fortaleza, São Gonçalo e Aracati que não sofrem com o problema da falta d’água podem ficar fora. Mesmo assim o Governo não deve liberar verba.


É visível a preocupação de Cid Gomes com a seca prolongada. A estiagem está tirando o sono do governador. Já falam que é a maior seca desde 1931. Estamos em fevereiro, no final do segundo mês do ano, e nada e chuva, nas nascentes dos rios que abastecem os açudes do Ceará. É grande a tensão dentro do governo. O Estado está planejando um formato para atenuar o sofrimento das pessoas e animais. O plano passa pela ideia de se evitar o ambiente de pânico.

O prefeito Celso Crisóstomo em  uma entrevista  recente informou que o Sec. da Casa Civil Arialdo Pinho, havia garantido verbas para o carnaval de Canindé mediante essa proibição do governador Canindé também ficará sem verbas estaduais para a realização do carnaval. 

2 comentários:

  1. Concordo plenamente. Não é oportuno que tenhamos Carnaval em Canindé. Peço ao senhor Prefeito de Canindé Celso, que não faça nada, porque se tiver mais pessoas virão para nossa cidade e mais gastos com água teremos. Por favor não façam isso, não realizem carnaval.

    ResponderExcluir
  2. NESSE MOMENTO GASTA DINHEIRO COM CARNAVAL E MESMO DESPEDISSE, AGORA COMENTA-SE QUE UMA VERBA FOI LIBERADA SE NÃO FIZER CARNAVAL RESTA SABER PRA ONDE VAI O DINHEIRO

    ResponderExcluir

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias