Últimas Notícias

Moradores do mutirão fazem reivindicação em frente a Prefeitura de Canindé.

No final da manhã de hoje, 03/05, os moradores que fazem parte do mutirão das casas localizadas no Romeirão, realizam reivindicação no pátio da Prefeitura Municipal de Canindé, afim de cobrar do Prefeito Celso Crisóstomo, melhorias relacionadas a moradia no referido mutirão, como a oficialização das casas e instalação de energia elétrica nas residência.

Representante da manifestação dos referidos moradores, afirmou na manhã de hoje, que a Coelce teria comparecido juntamente com a policia ao mutirão para retirar um "gato"(instalação clandestina de energia), feita pelos moradores, que  foram ameaçados de prisão, onde, segundo o representante, a Coelce afirma que é necessário somente uma assinatura do prefeito para que seja autorizado a distribuição elétrica nas residências.

As famílias reivindicam com faixas com os seguintes dizeres: "Prefeito olhem para nós com o coração aqui no Romeirão", "Celso votemos em você, faça sua parte, votamos pra vencer", "Prefeito queremos a liberação das Casas do Romeirão, lembre-se de nós, Somos esquecidos, lembrou de nós em outubro, estamos precisando que cumpra o seu prometido que é as casas do Romeirão" e "QUEREMOS RESPEITO".

Confiram as fotos abaixo dos cartazes e faixas da reivindicação e os moradores participantes.







Portal C4 Notícias
Siga-nos nas Redes Sociais
Twitter - @c4noticias.

8 comentários:

  1. O que é isso? Para quem dizia que a faria tudo pela população, coitado. Agora a realidade é outra.

    ResponderExcluir
  2. O QUE DIZEM OS REAIS BENEFICIÁRIOS DESTAS CASAS?

    ResponderExcluir
  3. vendo essas pessoas escoradas nessas colunas, gostaria de chamar a atenção das autoridades do municipio, para o perigo que as mesmas correm, pois essas colunas teem rachaduras enormes, e poderão cair a qualquer momento, vai que(que Deus nos livre) caem por cima dessas crianças e senhoras que aparecem na foto? o prefeito não cuida nem do prédio da prefeitura, cheio de rachaduras, gambiarras de energia e outras coisas que já vi nas vezes que fui lá.

    ResponderExcluir
  4. Agora vão resolver pode ter certeza, porque é assim só resolve quando a situação chega a um ponto crítico ou quando acontece uma desgraça.

    ResponderExcluir
  5. Lembremos que invadiram as casas e que há pessoa mais necessitadas...até já ampliaram as casas!!!

    ResponderExcluir
  6. QUEREM RESPEITO? RESPEITARAM AS CASAS QUE NEM DELES ERAM? INVADIRAM E AGORA QUEREM RESPEITO? INDIGNADA! AAAH! MAIS SÃO PESSOAS CARENTES.... SÃO CARENTE PORQUE?SUJEIRA NÃO TEM NADA A VER COM POBREZA! NÃO QUEREM TRABALHAR... SÓ ESPERANDO PELA BOLSA DISSO E DAQUILO.. DEPOIS SE FAZEM DE COITADINHOS... PUTZ! INDIGNADA COM ISSO, EU NASCI POBRE E NEM TINHA O QUE COMER, ESTUDEI, CRESCI... E DEIXEI DE SER COITADINHA! PORQUE ESSES POBRES NÃO FAZEM ISSO? É MAIS FÁCIL COLOCAR A CULPA NO SISTEMA! SE NÃO PODE CRIAR FILHOS PORQUE OS TEM? AFFF! INDIGNADA! E NÃO É FALTA DE INSTRUÇÃO NÃOOO, PERGUNTE SE NÃO SABEM FAZER CONTA OU SEREM DESONESTOS? AARRGG! MEU DEUS!

    ResponderExcluir
  7. sei que são pessoas que realmente necessitam de moradia, garantias da constituição, mas existe todo um processo pra que consigam as mesmas, não é assim, chegar e invadir, as casas já tinham as pessoas que deveriam de direito ocupá-las, agora cabe a administração pedir via justiça a desocupação, ou seja, a reintegração de posse. só conversinha não resolve, em qualque outro municipio que se preze já teriam sido devolvidas, ou entregues, aos verdadeiros donos, não a invasores

    ResponderExcluir
  8. não é justo as pessoas que já tinham feito seus cadastros serem prejudicados,elas iriam residir naquelas casas e agora foi tudo por água abaixo, mas cabe ao gestor maior resolver a situação.

    ResponderExcluir

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias