28 dezembro 2012

Morte precoce

Nós idealizadores do portal c4 notícias recebemos vários comentários em nossas publicações nos indagando se: “também silenciaríamos à morte da pequena Rita”. Gostaríamos apenas de explicar que: Não é e nunca foi nossa intenção esconder qualquer acontecimento que tenhamos conhecimento, mas também não podemos ser injustos com a outra parte.

O que o portal c4 notícias apurou não nos dar embasamentos suficientes para publicar qualquer matéria que possa satisfazer a curiosidade de nossos leitores em relação ao caso.
O que conseguimos ouvir foi tão somente o lado dos familiares que dão conta que a pequena Rita apresentou supostamente sintomas de virose e foi levada a Sociedade Hospitalar São Francisco de Canindé, e após ser medicada a criança veio a óbito. Os familiares acreditam que a causa da morte possa ter sido a medicação que foi aplicada na criança (Metoclopramida “PLASIL” e Dipirona), mas nada de concreto foi nos apresentado, afora as narrativas dos familiares.

Compreendemos que a população, amigos e familiares apelem para informações que venham a apontar se houve ou não erro por parte de algum profissional de saúde daquele órgão, mas também solicitamos a compreensão dos mesmos, pois informações desse tipo não são fáceis de adquirir.

A reportagem do programa cidade 190 apresentado pela afiliada da Rede Record, (Tv cidade) esteve também em Canindé e encontrou a mesma dificuldade que ora encontramos de obter alguma informação, conseguindo ainda estabelecer um contato telefônico com a assistente social da unidade Dra. Cíntia.

Na manhã desta sexta-feira, 28, foi concedida uma entrevista pelo médico Dr. Valdecir, as emissoras de rádio onde o mesmo afirma que a Sociedade Hospitalar São Francisco, Estava com a equipe médica completa: dois médicos clínicos, um médico cirurgião, um obstetra, um anestesista e um terceiro médico auxiliando na parte de traumatologia. Esclarece que a conduta de hidratar a paciente foi devidamente correta como também fazer a medicação para combater os vômitos e baixar a febre, segundo o médico o que é preconizado na dosagem do medicamento Metoclopramida é que seja feita entre 0,5 até 1mg e a dosagem foi feita com segurança pelos profissionais da entidade.

O Atestado de óbito da criança aponta a morte por Choque hipovolêmico. O portal c4 notícias lamenta a morte da pequena Rita e solidariza-se com a família e amigos nesse momento de dor.

Choque hipovolêmico:é uma condição na qual o coração é incapaz de fornecer sangue suficiente para o corpo devido à perda de sangue e falta de nutrientes aos órgãos nobres, distúrbio circulatório ou volume sanguíneo inadequado.

Causas, incidência e fatores de risco:

A perda de aproximadamente um quinto do volume sanguíneo normal, por qualquer causa, pode causar choque hipovolêmico. Isto inclui sangramento do intestino ou estômago, outros sangramentos internos, sangramentos externos (por cortes, lesões, ferimentos perfuro cortantes) ou perda de volume sanguíneo e líquidos do corpo (como pode ocorrer com diarreia, vômitos, obstrução intestinal, inflamações, queimaduras e outros).

Choque hipovolêmico é caracterizado pela ocorrência dos seguintes sintomas:

Frequência cardíaca baixa

Frequência respiratória elevada

Baixa pressão arterial

Confiram, o vídeo da reportagem do programa Cidade 190 da TV Cidade(afiliada da TVRecord).


2 comentários:

  1. é triste ver uma criança entrar em busca de um atendimento medico e sair em um caixão q a familia nem se quer pode pagar. esperar agora por justiça divina pq a dos homens favorece a quem pode mais. não é a primeira q morre '[ou matam] sem explicação em canindé.

    ResponderExcluir
  2. Essa dor é de todos Canindeeenses28 de dezembro de 2012 23:44

    o C4 notícias falou com competência o que todos silenciaram, todas as emissoras de rádio e blogs de Canindé silenciaram o fato. Parabenizo a coragem de vocês por publicar a matéria embora que já um pouco tarde, pois a criança foi enterrada sem laudo do SVO e somente com as alegações do hospital de Canindé.

    ResponderExcluir

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias

Copyright © C4 - Notícias de Canindé | Designed With By Blogger Templates
Scroll To Top