Canindé

[Canindé][bleft]

Regional

[Regional][twocolumns]

Procissão na madrugada abre festejos de São Francisco

FOTO: ANTÔNIO CARLOS ALVES
A devoção ao padroeiro no município já acontece há 254 anos. A cada edição, o número de romeiros é crescente.


Canindé Com uma expectativa de público de dois milhões de devotos, começa na madrugada de amanhã, a Romaria de São Francisco das Chagas, que mudou a data de início por conta das eleições. As festividades se estendem até o dia 20.

A cidade recebe anualmente romeiros de diferentes partes do País e até do exterior para prestigiar a Festa do Padroeiro. A novidade deste ano está na programação sociocultural, com o show de encerramento dos festejos com o cantor José Augusto, no próximo dia 20, a partir das 20h na Praça dos Romeiros.


Sob a coordenação de frei João Amilton dos Santos, a festa tem duração de dez dias, com intensa programação religiosa e cultural. A multidão de fieis, crescente a cada ano, reflete a devoção ao padroeiro desta cidade. O município abriga o maior santuário franciscano das Américas.

Este ano, a Igreja Católica colocou como tema dos festejos "São Francisco, alívio na dor e no sofrimento", numa forma de possibilitar entre os participantes uma reflexão sobre a forma como o ser humano e demais vidas são tratadas.

A festa sempre começa com o tradicional levantamento das bandeiras do Brasil, Canindé, São Francisco e Santa Clara. As comunidades da zona rural e de bairros de Canindé saem em caminhada de seus locais de origem em direção ao Santuário, na sede. A abertura da romaria é presidida por frei João Amilton dos Santos e concelebrada pelos demais sacerdotes convidados para o evento. O grupo responsável pelo acolhimento das comunidades que chegam após a caminhada é a Pastoral Missionária. A cidade já registra uma intensa movimentação. Os vendedores ambulantes que se instalaram na Praça Thomaz Barbosa demonstram otimismo quanto às vendas.

Os preparativos para a romaria já acontecem há mais de um mês. O Governo do Estado e a Prefeitura de Canindé estão presentes nas festividades, com apoios diversos. A infraestrutura dos dois poderes foi colocada à disposição da paróquia local.

A Festa de São Francisco mistura-se às histórias de homens e mulheres que buscavam viver sua fé como terceiros franciscanos, pessoas que acompanhavam os frades em suas missões. Aponta para 254 anos a devoção ao santo nesta região do Ceará.

Os relatos históricos dizem que a partir do ano de 1.758, os frades franciscanos da Província de Santo Antônio do Brasil, Manoel de Santa Maria, Bartolomeu dos Remédios, José Santana Firmo, junto com os terceiros franciscanos, propagaram na zona sertaneja de Canindé o culto a São Francisco das Chagas.

Na visão do ministro provincial, frei Marconi Lins, Canindé é a "Assis Brasileira", em referência à terra natal do santo. "Canindé não existiria sem o santuário e nem o santuário existiria sem o povo dar o seu significado verdadeiro: lugar de encontro com Deus, de valorização da vida como dom sagrado, de fortalecimento da fé cristã e, consequentemente, de compromisso com os valores do Evangelho tal qual viveu São Francisco no século XIII", explica frei Marconi Lins.

Frei João Amilton lembra da grande perspectiva da festa. "Nessa grande celebração, queremos reviver e direcionar o nosso carisma diante do Evangelho, segundo a forma observada e proposta por São Francisco, ou seja, ousando viver o Evangelho", destaca o religioso.

A programação da romaria prevê horários permanentes mantidos em cada dia dos festejos. A abertura oficial começa amanhã, mas a partir da primeira novena, a se realizar quinta-feira, a Igreja Católica considera os dez dias de festa. Nesta quarta-feira, às 18h, acontece a procissão com o painel de São Francisco saindo da Basílica. O roteiro da caminhada inclui as ruas Aristides Rabelo, José Veloso, Joaquim Custodio, Romeu Martins e João Pinto Damasceno.

A festa terá dez dias de novenas, procissões, confissões e louvor ao santo. As missas serão celebradas às 5h, 7h, 9h, 11h e 16h na Basílica de São Francisco e Praça da Gruta de Nossa Senhora de Lourdes. Na Igreja de Cristo Rei, as celebrações acontecem às 6h. Por sua vez, na Igreja de São Pedro, as missas serão celebradas às 10h dos dias 16 a 19.

Os fiéis poderão se confessar todos os dias, das 6h às 11h e das 14h às 17h30 no Complexo São Damião, ao lado da Basílica de São Francisco. Haverá batizados no Complexo São Damião.

Fonte: Diário do Nordeste.

Assessoria de comunicação C4 Notícias
Post A Comment
  • Blogger Comment using Blogger
  • Facebook Comment using Facebook
  • Disqus Comment using Disqus

Nenhum comentário :

Pedimos aos usuários que logo abaixo da caixa de comentários ao invés de anonimo, coloquem nome/url e coloquem a identificação a fim de comprovar seus cometários, é muito importante que vcs se identifiquem assim suas opiniões serão mais aceitas. Aos que persistirem no anonimato será feita a devida moderação nas palavras e afirmações comentadas.

Não utilizem palavras ou frases que ataquem ou agridam a outrem direta ou indiretamente, o portal C4 Notícias modera os comentários mas não se responsabiliza pelas opiniões deixadas por seus leitores.

att
Equipe C4 Notícias


Prefeitura

[Prefeitura][grids]

Ceará

[Ceará][list]

Nacional

[Nacional][bsummary]

Plantão Policial

[plantão policial][threecolumns]